Notícias Top Destaque

Sete rodovias federais em Goiás receberão novos radares, sendo que três delas cortam Jataí

Foto: Arquivo Portal Panorama
A decisão da justiça é oriunda de uma ação popular movida no começo do ano contra o anúncio feito pelo Presidente Jair Bolsonaro de suspensão da instalação de radares nas rodovias federais

Sete rodovias federais em Goiás vão receber novos radares de velocidade. Ao todo, serão 155 faixas de trânsito monitoradas, sendo que a BR-070 será a com mais equipamentos.

Em seguida, aparecem a BR-060 e a BR-020. As outras goianas que aparecem na relação são a BR-158, BR-364, BR-414, e BR-452. Apenas 11 faixas estão localizadas em zonas rurais.

Vale ressaltar que três delas, a BR-060, a BR-364 e a BR-158, cortam a cidade de Jataí.

Na segunda feira (29), a juíza Diana Wanderlei da Silva, da 5° Vara Federal de Brasília, homologou um acordo entre o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) e o Ministério Público Federal (MPF) para instalação no Brasil todo de 1140 radares em 2278 faixas consideradas como nível crítico muito alto, alto ou médio.

Os radares serão instalados em rodovias ou trechos de rodovias que não foram terceirizadas. As concessões seguem com seus próprios contratos para monitoramento eletrônico em andamento, sem interferência no acordo.

A localização dos radares segue estudo feito em 2016. Um novo levantamento deverá ser feito para analisar a necessidade de novos pontos de radares.

A decisão da justiça é oriunda de uma ação popular movida no começo do ano contra o anúncio feito pelo Presidente Jair Bolsonaro de suspensão da instalação de radares nas rodovias federais.

Na época, em Goiás, os equipamentos instalados nas rodovias sob administração do DNIT já não estavam multando.

Fonte: O Popular
Foto Capa: Arquivo Portal Panorama
panorama.not.br

mm

Redação Portal PaNoRaMa

O Portal PaNoRaMa um dos pioneiros na área de cobertura de eventos e notícias de Jataí - Goiás, lançando uma forma única de trabalho e divulgação.

Adicionar comentário

Clique aqui para publicar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Receba as principais notícias do dia

Abrir conversa
Precisa de ajuda?