Sindicato Rural de Jataí divulga relatório com estimativas de perdas provocadas pela seca

Agronegócio

O Sindicato Rural de Jataí, Prefeitura Municipal, Agrodefesa, IBGE e outros representantes agrícolas, produziram um relatório com as estimativas de perdas causadas pela seca do início do ano nas principais culturas do município de Jataí, soja, milho e feijão.

TEste 2020 aac

Este relatório foi realizado de acordo com a última reunião do IBGE, em 22/01 e das visitas realizadas pelos representantes já citados neste município, permitindo dessa forma, a confirmação dos dados estimados sobre as perdas.

O relatório começa falando sobre o período de estiagem que se prolongou aproximadamente entre os dias 4 e 25 de janeiro, mas que em alguns locais, foi de mais de 30 dias, diferentemente do que normalmente ocorre para este mesmo período, que são chuvas bem distribuídas, que coincidem com a fase de enchimento dos grãos.

Estendendo sobre o assunto, estimou-se por meio de média ponderada que a produtividade de soja deveria ser de aproximadamente 60 sc/ha e foi reduzida, por conta da estiagem, para 51,25 sc/ha. A de milho foi de 180 sc/ha para 150 sc/ha e feijão de 50 sc/ha para 40 sc/ha. Em relação à área plantada da safra 2014/2015 em Jataí, foram 285.000 ha de soja, 9.000 ha de milho e 4.800 ha de feijão. Dessa forma, a produção total esperada dos três grãos era de 1.137.000t e poderá ser reduzida para 968.415t, representando em média perda de 14,83%.

Quem quiser uma cópia do relatório, basta procurar a Engenheira Agrônoma do Sindicato Rural.

Rosana de Carvalho
Foto: Adriana Vilela
Jornalismo Portal Panorama

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.