Agora é Lei

Agora é Lei: É garantida a reconstrução das mamas após câncer

Foto: Internet
O objetivo é garantir a simetria e elevar a autoestima da mulher

Apesar de ter sido aprovada no final de 2018, a Lei 13.770 ainda não é de conhecimento geral. A mesma garante a reconstrução, o processo aréolo-mamilar, reparação dos mamilos,e a simetria entre os seios da mulher que previamente teve câncer de mama e passou pela mastectomia.

A mastectomia é um procedimento para tratar o câncer de mama que se baseia na retirada cirúrgica de toda a mama. Frequentemente, é realizada quando uma mulher não pode ser tratada com a cirurgia conservadora da mama (lumpectomia), que poupa a maior parte do seio.

Em função disso, a reconstrução, que por lei é obrigada a ser oferecida pelo Sistema Único de Saúde, tem o intuito de amenizar os impactos causados pela doença, pelo menos no que tange a estética e bem-estar feminino.

A cirurgia, quando possível, deverá ser feita ainda na sala cirúrgica após a mastectomia, independente se for de um um só seio ou ambos. Em casos específicos, quando a mulher tiver condições físicas para se submeter a tal processo.

A lei foi sancionada pelo Governo Federal e assinada em solenidade com a bancada feminina do Congresso Nacional.

Carolina Craveiro Carvalho
Foto capa: Internet
panorama.not.br

Enquete:

O Panorama quer saber a sua opinião: Educação sexual nas escolas de Jataí. Você é contra ou a favor?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...