Automóvel Top Destaque

Você sabe os riscos de andar com o tanque de combustível na reserva?

Foto: Internet
Prática cotidiana para os motoristas pode gerar graves problemas no veículo

Na correria do dia a dia, é comum que motoristas deixem o carro na reserva por um tempinho. Aquele pensamento de “vai dar para chegar, aguenta só mais um pouquinho” pode trazer sérias consequências para o veículo.

Um desses problemas é a possibilidade de danificar a bomba de combustível. Como é o próprio combustível que resfria a bomba, quando não há quantidade suficiente, ela pode superaquecer e até queimar.

A depender do modelo do veículo, uma nova bomba pode custar até R$ 700. Você não vai querer essa dor no bolso, certo?

Outra questão relacionada é que a bomba pode acabar sugando resíduos sólidos que assentam no assoalho do tanque. Fato que pode causar entupimento do filtro de combustível e também dos bicos injetores, que levam o combustível até o motor, gerando mais gastos com a troca dos mesmos.

Os especialistas deixam claro que o combustível reserva serve apenas para suprir o caminho até o posto de abastecimento e em hipótese alguma deve ser consumido até o final.

O ideal é andar com no mínimo 1/4 do tanque, e caso aconteça de chegar na reserva, procurar abastecer assim que a luz do painel acender.

Ademais, parar o veículo por falta de combustível é considerado infração média, sujeita a multa e pontos na carteira, além de representar um grande risco de acidente.

Depois dessa matéria, aposto que você já foi até o posto mais próximo, né? Reserva nunca mais.

Larissa Pedriel
Foto Capa: Internet
Jornalismo Portal Panorama
panorama.not.br

Enquete:

Você sabe quem são os dez vereadores jataienses eleitos em 2016?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...