Obras públicas impedem funcionamento do Space Bowling

Notícias Top Geral

AqOYIWo51n3Er7gep50nECG_eKUbhcH4u4dg0SEkKF2LNo início de Junho, a Prefeitura de Jataí iniciou as obras da Galeria Pluvial do Setor Divino Espírito Santo. O serviço, que deverá durar 3 (três) meses, acontece perto do Lago Diacuí e impede o tráfego de motoristas e pedestres, além de causar alguns danos aos estabelecimentos comerciais que existem nas proximidades.

De acordo com o proprietário do Space Bowling não houve notificação prévia sobre a obra e que esta, por sua vez, trouxe-lhe prejuízos diversos, visto impossibilitar o funcionamento da casa. Desta forma, o estabelecimento está há 15 (quinze) dias prejudicado diante da obstrução na rua, impedindo a trafegabilidade, e também porque o seu local de trabalho foi soterrado por terra. Logo, a abertura do seu comércio é impossível em detrimento da construção.

Conclui-se, diante do exposto, que o proprietário do Space Bownling, além de ser prejudicado pela diminuição no movimento, teve também que cancelar todos os eventos que estavam agendados e não pode, até que o final da obra, exercer as suas atividades regulares. Assim, não há data específica e estimada para que o seu trabalho habitual possa se normalizar.

A existência de comunicação direta acerca do início e das características da obra pública possibilitaria que os estabelecimentos da região se organizassem e calculassem alternativas para diminuir os danos causados por obras que, de todo modo, são necessárias à comunidade. A surpresa que obstrui o exercício comercial traz irreparáveis danos aos proprietários que, agora, precisam dirimir os prejuízos diversos.

O Secretário de Obras Tales Augusto Machado, quando procurado pela Equipe do Panorama para comentar a diligência, disse ter divulgado junto ao portal da Prefeitura de Jataí e no programa Bom Dia Jataí, pedindo a compreensão de todos e reforçando a necessidade de atenção redobrada aos motoristas e pedestres que trafegam pela região. A respeito do barro que adentrou o comércio, Tales justificou não ter o que falar, pois até o presente momento desconhece qualquer reclamação neste contexto. Ademais, ressaltou a importância da construção de Galerias Pluviais à localidade e que a obra foi objeto de reivindicação antiga por parte dos comerciantes locais.

“Toda obra trás um beneficio mas durante a a realização da obra, sem duvida nenhuma, gera transtorno”, asseverou Tales Augusto.

Redação Site PaNoRaMa – Foto Capa: Alex Alves

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.