Segurança pública em debate: o que fazer?

Notícias Polícia / Bombeiro

Em reunião realizada na terça feira (07), entre diversas entidades de classes, empresários e representantes da segurança pública, discutiu-se a situação atual, diga-se de passagem, insustentável da segurança, por conta da quantidade de roubos, assaltos e o medo geral de toda população, assim como medidas que devem ser tomadas a curto, médio e longo prazo.

TEste 2020 aac

Confira abaixo o que diversas autoridades pensam sobre este assunto e sobre as mudanças que devem ocorrer.

Representantes da CDL: é importante haver a união de toda população e organizar as entidades de classe. Além disso, deve haver preocupação com medidas tanto a curto como em longo prazo, no que diz respeito à reabertura do CIAJ e construção de um novo presídio, respectivamente.

Representantes da Segurança Pública: um dos principais problemas atuais é a quantidade enorme de roubos e após esta reunião bastante produtiva, em que a população se organiza cada vez mais, acredita-se que em um prazo de vinte dias já haverá muitos avanços. Além disso, o que se nota é a importância da construção de um novo presídio, de um local para o semiaberto e para os adolescentes, que é hoje é considerado como um gargalo. Mas a realidade vivenciada reflete todo um sistema penal com problemas, não somente a polícia. Em Jataí, por exemplo, falta espaço para abrigar todos os detentos e por isso, eles acabam ficando nas ruas.

Representante da Câmara Municipal de Jataí: vale ressaltar antes de tudo que na reunião em questão, apenas o vereador Vinícius Luz compareceu. De acordo com ele, este assunto já vem sendo debatido há muito tempo, tanto na Câmara dos Vereadores quanto nas entidades de classe, que estão engajados em resolver diversas polêmicas, como reabertura do CIAJ e construção de um novo presídio. Por isso, essas reuniões estão sendo cada vez mais produtivas, com o intuito de que boas medidas a curto e médio prazo possam ser tomadas.

Representantes de entidades de classe: a reunião foi bastante positiva pois mostrou que toda a sociedade está engajada para resolver um problema comum que é o da segurança pública. Dessa forma, somente com a união de todos é que este gargalo poderá ser resolvido. Muitas coisas devem ser mudadas, como por exemplo, as políticas e legislação que dizem respeito à segurança pública.

Rosana de Carvalho
Fotos: Vânia Santana / Adriana Vilela
Jornalismo Portal Panorama

Vereador Vinícius Luz: “A cada dia que nós conseguirmos engajar mais pessoas, mais comerciantes (...), nós poderemos ter ações concretas”.
Vereador Vinícius Luz: “A cada dia que nós conseguirmos engajar mais pessoas, mais comerciantes (…), nós poderemos ter ações concretas”.
Delegado Dr. André Fernandes: “A questão de Jataí não é uma questão simples de segurança pública (...) é o retrato de um sistema criminal como um todo”.
Delegado Dr. André Fernandes: “A questão de Jataí não é uma questão simples de segurança pública (…) é o retrato de um sistema criminal como um todo”.
Tenente Coronel David Pires: “Vamos busca para Jataí, de forma inteligente, benefícios para a segurança pública”.
Tenente Coronel David Pires: “Vamos busca para Jataí, de forma inteligente, benefícios para a segurança pública”.
Eliseu Joergensen: “Dentre as ações imediatas está a reabertura do CIAJ”.
Eliseu Joergensen: “Dentre as ações imediatas está a reabertura do CIAJ”.
Capitão Sílvio CPE: “Somente em 2014 a CPE apreendeu 163 pessoas em Jataí, e dessas, 72% eram reincidentes. Isso não pode continuar”.
Capitão Sílvio CPE: “Somente em 2014 a CPE apreendeu 163 pessoas em Jataí, e dessas, 72% eram reincidentes. Isso não pode continuar”.
Lázaro Alberto L. Nascimento: “A intenção é organizar as entidades de classe, para ter força e poder cobrar os benefícios que estão sendo reivindicados para Jataí”.
Lázaro Alberto L. Nascimento: “A intenção é organizar as entidades de classe, para ter força e poder cobrar os benefícios que estão sendo reivindicados para Jataí”.
Ricardo Peres: “A segurança pública é dos maiores problemas que nosso município passa”.
Ricardo Peres: “A segurança pública é dos maiores problemas que nosso município passa”.

One thought on “%1$s”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.