Ponte em estado precário preocupa produtores rurais e motoristas de Jataí

Notícias Top Geral

[vc_row][vc_column width=”1/1″][vc_facebook type=”standard”][/vc_column][/vc_row]

Para aumentar a segurança os moradores tiveram que improvisar uma cerca de arames sobre a ponte.
Para aumentar a segurança os moradores tiveram que improvisar uma cerca de arames sobre a ponte.

No Sudoeste do estado de Goiás uma ponte em estado precário de conservação está preocupando os produtores rurais e motoristas de Jataí que trafegam pela via, a qual é o principal acesso para os alunos da escola rural da região e está quase caindo.

A situação da ponte sobre o rio felicidade na zona rural de Jataí está bastante frágil, a estrutura de madeira está apodrecendo e várias tábuas estão soltas, os motoristas que passam pelo local precisam ter atenção redobrada. Outra preocupação é com a falta de proteção lateral, para aumentar a segurança os moradores tiveram que improvisar uma cerca de arames sobre a ponte.

A estrutura de madeira está apodrecendo e várias tábuas estão soltas
A estrutura de madeira está apodrecendo e várias tábuas estão soltas

A ponte é a principal via de acesso para a escola municipal que fica a 10 km da mesma, e atende os alunos da região, se for interditado, o caminho mais próximo fica a 40 km. Com esta estrutura precária, caminhões já não passam mais pelo caminho da ponte e por este fato os motoristas desses veículos precisam trafegar por rotas alternativas.

Segundo os moradores, o problema é antigo, e há mais de 5 anos a ponte está interditada para o tráfego de veículos pesados. Na região, existem várias fazendas de produção de leite e gado de corte. Motoristas de kombi que faz o transporte escolar, também se preocupam com a situação e a segurança das crianças.

A Secretaria de Agricultura de Jataí informou que a ponte sobre o córrego felicidade não será recuperada por que o local será inundado pela barragem de uma hidrelétrica e uma nova ponte de concreto deve ser construída mais acima, assim que as obras da usina forem concluídas. Porém, os trabalhos de edificação da barragem ainda não tem data para começar.

Fonte: JORNAL DO CAMPO – Nayara Borges / FOTO: Rede Social: Anielly Assis – Site PaNoRaMa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.