Centro-Oeste triplica receita com exportações de soja em uma década

Agronegócio

Entre janeiro e maio de 2005, a receita com exportações de soja do Centro-Oeste era de US$ 1,6 bilhão e em uma década, neste mesmo período, este valor passou a ser de US$ 5 bilhões. Estes dados, obtidos pela Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul (Famasul), mostram que a região foi responsável por 45% das vendas brasileiras de soja ao mercado externo até maio, somando US$ 11,1 bilhões.

TEste 2020 aac

Ainda de acordo com a Famasul, as exportações do complexo soja, que incluem a soja em grão, farelo e o óleo, somaram 12,6 milhões de toneladas entre janeiro e maio deste ano, o que significa 75% a mais do que o mesmo período em 2005, quando o valor foi de 7,187 milhões de toneladas.

Dessa forma, o Centro-Oeste conseguiu se consolidar na última década como o maior celeiro de grãos do Brasil. Para tanto, a região consegue se destacar em diversos quesitos, sendo considerada como a campeã em produção, área, produtividade, exportação e não menos importante, tecnologia de alta precisão aplicada ao campo.

Além disso, garante a Famasul, o agricultor do Centro-Oeste está cada vez mais precavido ao mercado e às cotações futuras, conseguindo comercializar seu produto no melhor momento e sempre preocupado com seus custos de produção.

Rosana de Carvalho – Site PaNoRaMa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.