Saúde e Bem Estar

Campanha de vacinação em baixa: Secretaria da Saúde alerta sobre a necessidade das vacinas contra gripe para grávidas

Gestantes vacinadas transferem anticorpos ao feto

A campanha de vacinação contra gripe teve seu pontapé inicial no dia 10 de Abril deste ano. Entretanto, a procura pela vacina está em baixa e muito longe da parcela recomendada.

Conforme a Gerência de Imunizações e Rede de Frio da Secretaria de Estado da Saúde de Goiás (SES-GO), apenas 10,05%  do total de gestantes foram imunizadas nos municípios goianos , algo em torno de 7.208 mulheres.

Segundo a Secretaria de Saúde é mister que as grávidas, puérperas, aquelas que estão no pós-parto, e crianças, entre seis meses e cinco anos, tenham suas vacinas tomadas e em dia.

Durante a gestação , os picos e variações hormonais ocasionam uma dificuldade  no que tange a resposta imunológica aos diversos tipos de vírus e bactérias, de forma que intensifica-se  os sintomas causados pelo vírus da gripe (febre,dores de cabeça,indisposição) e resultam em outras complicações, como infecções respiratórias e até mesmo pneumonia.

A imunização passiva tem como princípio a transferência de anticorpos da mãe para o feto , dessa forma o bebê também fica imunizado. Vantagem que é enorme, haja vista,  que os recém-nascidos só podem ser vacinados a partir do sexto mês de vida.

Já as mães, podem receber as vacinas desde o primeiro dia de gestação até o último dia antes do parto, situação que é extremamente benéfica, pois, a vacinação colabora para evitar os riscos do nascimento prematuro.

A vacina contra Influenza, está disponibilizada em aproximadamente  900 postos de vacinação do Estado de Goiás.

O período de campanha de vacinação definida pelo Ministério da Saúde é o seguinte :

  • Grupo 1: dia 10 a 18 de abril – gestantes, puérperas e crianças de 6 meses até 5 anos de idade;
  • Grupo 2: dia 22 a 26 de abril – trabalhadores da saúde;
  • Grupo 3: dia 29 de abril a 3 de maio – pessoas com 60 anos ou mais;
  • Grupo 4: Dia D, 4 de maio – todos os grupos prioritários;
  • Grupo 5: dia 6 a 10 de Maio – portadores de doenças crônicas, Síndrome de Down e outras trissomias (síndromes);
  • Grupo 6: dia 13 a 17 de maio – professores;
  • Grupo 7: dia 20 a 31 de Maio – todos os grupos prioritários, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional.

 

Carolina Craveiro Carvalho
Foto capa: Internet
Jornalismo Portal Panorama
panorama.not.br

Enquete:

Você se lembra em qual candidato(a) votou para vereador(a) em 2016?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...