Algumas curiosidades sobre: DEPILAÇÃO A LASER

Algumas curiosidades sobre: DEPILAÇÃO A LASER

24 de janeiro de 2014 0 Por Redação Portal PaNoRaMa

A depilação a laser como muitos conhecem, não é definitiva. Embora pareça e se acredite que é essa técnica não extermina nem de longe os pelos para sempre. Sua durabilidade varia muito de acordo com o organismo de cada um (individualmente), e embora não seja definitiva, é possível ficar de dois a cinco anos sem se preocupar com os pelos inconvenientes.

A Depilação a laser é indicada em três situações: pelos encravados, pelos nas faces das mulheres e efeito cosmético.

O paciente do pelo escuro seria o ideal para esta técnica, pois a absorção da luz pela melanina é máxima e os riscos de efeitos contrários (como manchas e queimaduras) são mínimos. Os pelos claros ou brancos, por possuir pouca melanina não correspondem tão bem ao tratamento.

Por outro ângulo, justamente pelo fato de que o laser é atraído pela melanina, peles bronzeadas e/ou morenas e negras devem ser tratadas com muita cautela, pois a chance de ter queimaduras e manchas é bem maior.

Na aplicação do laser, a sensação obtida é de leve queimação na pele e na medida em que se aumenta a potência do equipamento à pele fica mais dolorida. Embora cause um desconforto considerável, não chega a ser insuportável.

A tecnologia, graças a sua alta eficácia, obtém um resultado satisfatório com 5 a 8 sessões, lembrando que pode haver variações nesse número de sessões de acordo com cada paciente e fatos como a cor da pele, sua espessura, cor dos pelos, a região a ser depilada, dentre outros. O intervalo de tempo médio entre as sessões variam de 4 a 8 semanas.

Nayara Borges de L. T. Moraes – Site PaNoRaMa