Saiba quanto cada deputado goiano gastou de cota parlamentar em 2021

Saiba quanto cada deputado goiano gastou de cota parlamentar em 2021

1 semana atrás 0 Por Redação Portal PaNoRaMa

Deputados goianos gastaram mais de R$ 5 milhões de cota parlamentar durante o exercício de 2021. A maior parte foi gasta com divulgação da atividade deles no Congresso. Ao todo, somente neste quesito os 17 representantes gastaram R$ 1.806.752,16 durante o ano. O que corresponde a 32,04% disponível da cota. Os dados são do portal da transparência da Câmara dos Deputados.

O segundo maior gasto dos deputados goianos foi com manutenção de escritório R$ 1.097.173,79, o que representa 19,45% do total. Depois com consultoria e pesquisas: R$ 1.025.010, ou 18,18% do total; e aluguel de veículos, com R$ 970.891,60 gastos (17,22%).

Com combustíveis, os deputados goianos gastaram R$ 555.540,05 (9,85% do total).

Sobre a rubrica outros os gastos foram de R$ 184.182,99 (3,27% do total).

Quais foram os deputados goianos que mais gastaram com cota parlamentar em 2021?

Professor Alcides (PP) foi parlamentar com o maior registro de gastos dos recursos (veja a tabela abaixo). O pepista, ao todo, usou R$ 406.302,88; dos quais R$ 165.000 com divulgação da atividade parlamentar e R$ 131.890 com aluguel de veículos.

O segundo foi Adriano do Baldy (PP), com gasto de R$ 397.579,61. O parlamentar utilizou R$ 132.550,00 em consultoria e pesquisas e divulgação da atividade parlamentar R$ 100.347,56.

João Campos (Republicanos) utilizou R$ 387.852,68, dos quais R$ 149.878 com divulgação da atividade parlamentar e R$ 95.691,87 com manutenção de escritório.

O que são as cotas parlamentares?

As cotas parlamentares são valores disponíveis para deputados utilizarem para custeio do exercício parlamentar. Esses recursos variam de estado para estado e devem ser utilizados em aluguel de escritório, passagens aéreas, alimentação, aluguel de carro, combustíveis, entre outras despesas.

A utilização da cota parlamentar pode ser feita por reembolso ou débito no valor da cota. Para Goiás, o valor por deputado é de R$ 35.507,06 mensais.

Veja quanto cada deputado goiano gastou de cota parlamentar em 2021

  • Adriano do Baldy (PP) – R$ 398.672,91
  • Alcides Rodrigues (Patriota) – R$ 362.481,00
  • Célio Silveira (PSDB) – R$ 318.385,81
  • Delegado Waldir (PSL) – R$ 149.512,17
  • Dr. Zacharias Calil (DEM) – R$ 282.103,03
  • Elias Vaz (PSB) – R$ 291.188,51
  • Flávia Morais (PDT) – R$ 397.579,61
  • Francisco Jr (PSD) – R$ 284.460,14
  • Glaustin da Fokus (PSC) – R$ 288.673,66
  • José Mário Schneider (DEM) – R$ 358.480,39
  • José Nelto (Podemos) – R$ 357.765,66
  • João Campos (Republicanos) – R$ 387.852,68
  • Lucas Vergílio (Solidariedade) – R$ 275.206,05
  • Magda Mofatto (PL) – R$ 372.996,43
  • Professor Alcides (PP) – R$ 406.302,88
  • Rubens Otoni (PT) – R$ 369.178,95
  • Vitor Hugo (PSL) – R$ 338.710,71

Total: R$ 5.639.550,59