Saiba mais sobre a vacina contra a dengue

Saúde e Bem Estar

A vacina é produzida pelo laboratório Sanofi Pasteur e seus documentos para registro no Brasil já foram submetidos à Anvisa em março.  Ela é a que está em fase de estudos mais desenvolvidos em todo o mundo, considerando que ainda não á uma vacina contra a dengue. Diversas pesquisas foram feitas na Ásia e América Latina sobre este projeto, as quais comprovaram que sua eficácia é maior com a vacinação em crianças a partir dos 9 anos de idade.

NUMBERS-300x250

Dessa forma, tais pesquisas afirmam que a partir dessa faixa etária, a vacinação consegue proteger 66% dos indivíduos contra a dengue. Já crianças menores que 9 anos, a imunidade atingida foi de 56% na Ásia e 60,8% na América Latina. Além disso, pessoas a partir dos 9 anos, têm uma imunização por meio da vacina mais eficaz caso já tenham sido infectadas por um dos quatro tipos do vírus da dengue, chegando a atingir 82%. Já quem nunca teve a doença, o nível alcançado foi de 52% de proteção garantida.

Entretanto, ressaltam-se alguns pontos negativos durante a análise da vacina. Em crianças com menos de 9 anos que tiveram dengue três anos após a vacinação, a chance de contraírem os casos mais graves da enfermidade foram maiores em comparação às que não receberam a vacina. Além disso, não oferece muita proteção especificamente contra o tipo 2 da doença, que variou de 35 a 50% e para quem nunca teve dengue, a imunidade também não é tão garantida. Por outro lado, a vacina consegue reduzir as hospitalizações em até 80%.

Como já foi dito, espera-se que até o final deste ano, a Anvisa conclua a análise do registro da vacina. Porém, existem outros estudos em andamento, como o desenvolvido pelo Instituto Butantan em parceria com os Institutos Nacionais de Saúde dos Estados Unidos (NIH). A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) também está desenvolvendo dois projetos de imunização contra a dengue.

Rosana de Carvalho – Site PaNoRaMa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.