PREFEITO DE JATAÍ, HUMBERTO MACHADO DIZ QUE CONCORDA COM LEI SECA

Galeria de Vídeos Política Top Destaque

O prefeito de Jataí, Humberto Machado (MDB), diz que concorda com a sugestão do governador Ronaldo Caiado (DEM) de adotar lei seca em bares do Estado a partir das 22 horas como forma de prevenção ao crescimento de casos da covid-19, e ao aumento da taxa de ocupação hospitalar.

Casados há 69 anos, idosos morrem de Covid-19 com diferença de 24 horas em Jataí

CAT - Galeria de Vídeos
NUMBERS-300x250

O manifesto da  opinião foi realizado por meio de uma videoconferência na tarde hoje (25), que reuniu, além de Humberto e do governador, outros prefeitos, representantes dos poderes Legislativo e Judiciário, e representantes da sociedade civil. 

O prefeito de Jataí declarou que, se a lei seca for adotada, é preciso que seja adotada pela maioria dos municípios porque, se nascer de iniciativas isoladas, também não terá força. Humberto afirmou que, sem respaldo da população, as medidas vão virar letra morta. “Não adianta só a fiscalização, se a população não aderir”, apontou.

Conforme o secretário de saúde de Goiás, Ismael Alexandrino, a ocupação das UTIs no estado para tratar pacientes com coronavírus está em 75% e a de enfermaria, em aproximadamente 50%. 

Em Jataí a taxa de ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da rede SUS dedicados exclusivamente para casos da Covid-19 atingiu os 100%, conforme os dados divulgados no  Boletim Epidemiológico realizado pela Secretaria Municipal de Saúde de Jataí.

 

Por Paula França
Foto Capa: Arquivo PaNoRaMa
Jornalismo Portal Panorama

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.