Polícia encontra jovem sequestrada dentro de caixa trancada em Mineiros

Notícias Polícia / Bombeiro

Um dia após ser sequestrada, uma adolescente de 17 anos foi encontrada pela polícia presa dentro de uma caixa de ferro lacrada, em uma casa de Mineiros, na sexta-feira (8). Segundo as investigações, o suspeito do crime, um homem de 27 anos, conheceu a vítima pela internet e haviam iniciado um relacionamento amoroso. Ele foi detido pela polícia na casa onde mora junto com a esposa e um filho recém-nascido.

tonolucro

De acordo com o delegado responsável pelo caso, Júlio César Arana Vargas, após se conhecerem, eles haviam se encontrado apenas uma vez. Na tarde de quinta-feira (7), o suspeito foi até Portelândia, onde ela morava, a 30 km de Mineiros, e rendeu a vítima com uma faca na porta da escola onde ela estuda. A menina foi levada de carro até uma casa alugada especialmente para servir de cativeiro.

O próprio suspeito foi quem construiu a caixa e planejou o crime com detalhes. O objeto, que mede cerca de dois metros de comprimento por um de largura, era revestido internamente com caixas de ovos e isopor, que criava um isolamento acústico, evitando que gritos de socorro da jovem fossem ouvidos. Um cano foi colocado em um furo da caixa para que a vítima pudesse respirar.

Após investigação, o homem foi preso e indicou o lugar onde a garota estava. “Quando chegamos ao local, ela estava algemada e trancada dentro da caixa. Parecia cena de filme, aqueles em que o criminoso mantém a pessoa presa durante muito tempo sem que ninguém perceba”, afirmou o delegado.

Segundo Vargas, durante a noite, o suspeito usou medicamentos para dopar a menor e a estuprou. À polícia, a vítima disse que não tinha mais intenção de manter o romance com o suspeito e acredita que ele não teria aceitado o rompimento.

O homem, que já tinha passagem por lesão corporal, está preso na cadeia de Mineiros. Ele foi autuado por estupro de vulnerável e sequestro e cárcere privado, podendo, caso seja condenado, pegar uma pena entre 10 a 23 anos.

Fonte: G1 / Foto: Internet

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.