Lavagem do carro: veja 10 dicas para cuidar de seu veículo em casa

Automóvel Top Geral

Boa parte dos apaixonados por carros carrega essa paixão desde a infância. Comigo não foi diferente. O curioso é que crianças não dirigem, mas mesmo assim podem se interessar precocemente por algo que só poderão usufruir depois da maioridade.

CAT - Automóvel

Não sei exatamente o que me fisgou. Costumo dizer que nasci em um ambiente e época propícios para isso, e provavelmente foi isso mesmo que despertou em mim o interesse pelos carros. Mas sei que uma das coisas que mais gostava era lavar os carros dos meus pais.

É verdade que cometi alguns erros. Nunca me esqueço de quando passei pano úmido no carro do meu pai, sem ele saber. Parecia que estava ficando ótimo, pois todo a sujeira estava sendo removida. Mas depois que mostrei a ele sua reação não foi das melhores. Depois entendi que eu poderia ter riscado toda a lataria nesse processo.

Também quase deixei cair o carro da minha mãe em uma ocasião em que achei que fosse importante tirar as rodas do lugar para limpar por dentro. O problema é que não sabia usar o macaco direito. Depois que tirei os parafusos da roda, o macaco tombou e a carroceria cedeu, com a roda ainda no lugar, mas sem os parafusos. Por pouco não causei um grave acidente.

Felizmente, depois de aprender com esses e outros erros, fui ficando cada vez melhor nas lavagens. Com isso, meus carros sempre tiveram boa aparência.

Pelo menos é o que eu acreditava até conhecer um profissional de estética automotiva, o Tarcísio Vaglieri, dono de uma empresa do ramo. Deixei um dos meus carros aos seus cuidados e fui surpreendido com o resultado final.

A cobaia foi meu Nissan Sentra, um bom companheiro que beira os 220 mil quilômetros rodados. O carro voltou como novo, com sua lataria parecendo um espelho, de tão brilhante que ficou.

Aprendi com ele que poderia deixar as lavagens que faço em casa bem próximas das lavagens profissionais que ele faz. Bastava para isso ter alguns produtos específicos, que até então nem fazia ideia da existência.

Com a ajuda do Tarcísio, listei pelo 10 desses produtos para essa coluna. Tenho certeza que o leitor que gosta de lavar seu carro em casa vai querer tê-los na prateleira da garagem.

Xampu

Sempre escolha um xampu específico para uso automotivo, pois foram desenvolvidos para lidarem com as sujeiras de um carro sem danificar materiais de pintura, borracha ou metal, além de evitar ressecamento desses materiais e aumentar a lubrificação, reduzindo o atrito da sujeira para não riscar a lataria.

É importante se atentar ao tipo de PH. Se o carro estiver com alguma proteção na pintura, como cera ou vitrificação, o PH deve ser neutro para não agredir essas proteções. Caso a ideia for aplicar uma dessas proteções após a lavagem, o xampu pode ser do tipo que tenha desengraxantes, pois ele tem maior poder de limpeza.

APC

Produto “milagroso”, o APC é a sigla para “AllPurposeCleaner”, algo como limpador multiuso em português. Serve para praticamente toda parte interna do carro, sem agredir os materiais.

Painel, forros de porta, forro do teto, carpete, volante, etc ficam incrivelmente mais limpos depois do uso de um bom APC, pois remove toda oleosidade nessas peças. Depois da limpeza, é importante enxaguar com pano úmido para remover excesso do produto.

Panos e luvas de microfibra

Com potencial de absorção muito grande, esses panos e luvas guardam a sujeira no meio das fibras. A luva é recomendada para a área externa e possui grandes “tentáculos” que pegam a sujeira, evitando o atrito com a lataria.

As luvas são ótimas para secagem e para parte interna, podendo ser usadas em todos os materiais, como plástico, couro, metal e borracha. Esses panos e luvas não soltam pelos na lavagem ou na secagem.

Pneu pretinho

Além do visual bacana, condiciona e protege a borracha dos pneus. Tem opções com mais ou menos brilho, com longa duração e com resistência à água.

Quem optar por um produto com mais brilho deve tomar cuidado para não deixar cair na pintura. Já as opções com menos brilho são mais absorvidas pela borracha do pneu.

Condicionador de plástico

Esse é um produto que aposentou o silicone. Todo plástico após limpeza pode receber tratamento de revitalização e condicionamento. Tem opções para uso interno ou externo. Como não tem pigmentação, renova a coloração original do plástico, deixando com aparência de novo, seco e sem excesso de material que gruda nas mãos, além de não embaçar os vidros.

Bloqueia raio solar que resseca o plástico, aumentando a vida útil dessas peças. Não pode ser usado em superfícies sujas, portanto é importante que já estejam limpas.

Limpador e hidratante de couro

A manutenção do couro é extremamente importante. Esse tipo de produto garante flexibilidade natural do couro, seja ele sintético ou natural. Pode ser usado com o pano de microfibra ou uma escova macia, em intervalos de seis meses.

É preciso fazer enxágue do excesso com pano de microfibra seca. Esse produto não vai e nem deve trazer brilho, pois o objetivo é deixar o estofamento com aspecto original.

Cera líquida

A cera automotiva está em constante evolução. As opções líquidas ou em spray facilitam muito o processo e em nada lembram as antigas ceras pastosas. As ceras líquidas não têm abrasivo, são seguras, garantem proteção solar, brilho e toque suave. Algumas podem ser usadas no carro molhado e outras são aplicadas com ele seco.

Pincéis de detalhamento

Os pincéis estão cada vez mais populares entre aqueles que gostam de limpeza até nos mínimos detalhes. Escolha cerdas sintéticas, macias e com cabo emborrachado para não riscar.

Podem ser usadas nos cantinhos, em botões, difusores de ar, emblemas externos, detalhes das rodas e cantinhos das pestanas dos vidros. É bom deixar separados os que forem usados na área interna, daqueles que forem usados na área externa.

Lavagem a seco

Também conhecido como lavagem ecológica, é uma alternativa para quem mora em regiões que não permitem usar água nas lavagens dos carros, para quem tem pouco espaço na garagem, ou até para quem guarda o carro em estacionamento coletivo.

Podem ser aplicadas sem enxágue, pois o produto é bem lubrificado, com cera na composição. O segredo é usar mais de um pano em todo o processo, para que a sujeira que ficar acumulada no pano, não risque a lataria. Só não é indicado para sujeira extrema.
Limpa vidros

Um limpa-vidros automotivo, não agride as tão comuns películas que escurecem os vidros, diferente do que acontece com um limpa vidros residencial Ele tem facilidade de evaporação sem deixar rastro. É indicado usar um pano de microfibra específico para o vidro, sem misturar com os outros. O segredo é usar em pouca quantidade, para não deixar rastros.

Fonte: Bol Notícias
Foto Capa: Getty Images
Jornalismo Portal Panorama
panorama.not.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.